WhatsApp Image 2020-07-03 at 12.44.50.jp

O dízimo é uma prática que começou no Antigo Testamento, na Lei de Moisés, que ordenou ao povo de Deus de dar a décima parte das suas colheitas e rebanhos para a manutenção do templo e o atendimento aos pobres, órfãos e viúvas. Era o reconhecimento de que os bens materiais foram dados pelo Senhor e que todos eram responsáveis pela comunidade religiosa.

No Cristianismo, o dízimo colaborou diretamente com o desenvolvimento da Igreja e suas obras de misericórdia. É a expressão do compromisso de cada católico pela construção do Reino de Deus. Templos, colégios e hospitais foram erguidos, o pão chegou na mesa dos que tinham fome e o Evangelho alcançou os lugares mais distantes.

Ser dizimista é escrever com a Igreja Católica essa história de transformação da Humanidade pelo Evangelho. Não se trata de uma doação, mas de uma devolução a Deus de parte dos dons que Ele generosamente nos dá!

 

Porque devemos ser dizimistas

  • Para retribuir a Deus os dons recebidos e reconhecer que eles vêm de sua Divina Providência.

  • Para dar suporte a Santa Igreja, que é o Corpo Místico de Cristo, em suas necessidades.

  • Para cumprir com o meu compromisso de cristão de levar a Evangelização a todo o mundo.

  • Para expressar o amor que tenho a Deus, cumprindo o mandamento da Igreja

  • de participar do dízimo.

  • Para amar o próximo, por meio das obras de misericórdia da Igreja, que chegam aonde não consigo ir.

  • Para viver um real compromisso com Deus, acolhendo-O em minha vida e colocando-O nas minhas prioridades.

  • Porque eu sou a Igreja e sou responsável por Ela

Para onde vai o Dízimo:
 

MANUTENÇÃO DA PARÓQUIA
Folha de pagamento
Contas de água, luz, gás e telefone
Serviços de limpeza e segurança
Impressos e material de escritório
Atividades e eventos das pastorais

 

dizimo oração.png